Matriz de produtividade

  • Um pé em cada canoa

E o tombo passa a ser

Uma possibilidade bem real, né?

Embolado na confusão de tarefas

E atividades a fazer

Vira-e-mexe (mexe mais que vira)

O urgente aparece tão grande

Mas tão grande na frente do nariz

Que o que realmente importa fica..

Fica onde mesmo?

Para àqueles que têm uma “queda” por matrizes

E gráficos para resolver problemichos,

vê só:

  • A matriz tem quatro categorias de assuntos:

1. Urgente e importante

2. Importante, mas não urgente

3. Nem importante nem urgente

4. Urgente, mas não importante

O truque é distinguir entre o que é urgente e/ou importante e saber o que fazer com cada coisa.

O autor ?  Eisenhower!

figura em pb da capa do radio times!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.