Como faz sua mistura? Critérios de seleção

Quando você pode oferecer uma oportunidade

que critério utiliza? Pensa nisso, ou se vale do que

já deu certo e que fique assim, bem quietinho,

com as bênçãos do “sempre-foi” que tem um

poder que nem se sabe…

Estabelecer requisitos que não são

os tão comuns, dá um pouco mais de

empenho para atingir, descobrir caminhos,

talvez justificar a mudança, convencer

envolvidos, ou até a própria voz, lá de dentro.

Há que cuidar de etapas, sem resvalar

no piegas, numa proteção desmedida, ou

com medida, um mérito mas que não sai da

mesma origem e que tb não se lamenta;

considera contingências e a.n.a.l.i.s.a

O razoável pode ter muitos vértices

e motivos muitos podem coexistir.

Do que não se sabe, se condena à

exclusão ou se avança para uma

conquista mais larga do q comprida?

Capacidades, habilidades, saberes

doações, interação, convívio, opinião,

cuidado, imaginação, lógica e que

René e sua crença favoreça o traçado

dos eixos e tendências.

O que se destaca num momento,

num contexto?Quanto vale um saber

que não se compara e que veio de um

canto lá do lugar que ninguém sabe

e que faz toda a diferença?

Culpa, insegurança, aversão,

tantos layers envolvidos na escolha

da mistura que é preciso montar;

frequente não se conhecer tudo

o que tá lá dentro, escusas? não há

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.