Quem olha daí

Quem olha daí para cá

revelando tantas marcas

no canto dos olhos e na

testa com olhos sem

brilho, sem cinismo?

 

Cara esquisita mas

nem tanto assim, sabe?…

Conhecia de algum canto

mas era bem inquietante

essa cara no espelho.

 

Talvez fosse melhor

procurar um terapeuta,

um tarólogo, uma mago,

ou era apenas cansaço

profundo e perene.

 

Virou de costas e seguiu

com o encontro grudado

no pescoço, arranhando

a garganta e insistindo

em buscar atenção

 

Muito trabalho, isso sim

precisava tirar uns dias

relaxar, ficar sob menos

tensão e tudo voltaria

ao normal. Normal?

 

Estremeceu só de pensar

que poderia ser sintoma

mais sério esta visão

que teve no espelho

logo depois de acordar

 

Pode mesmo ser sério

e só uns dias de folga…

um check-up deve dar

conta, exames e uma

geral no corpo, isso mesmo!

 

Caso encontrem alguma

encrenca estará mesmo

no início e remédios estão

aí para resolver o problema

aliás, melhor tomar 1 agora

 

Mas qual deve ingerir?

Para pressão, para atenção,

para relaxar os músculos

ou comer menos? Para

fortalecer unhas ou intestinos?

 

Na caixinha de cruz vermelha

na tampa nada lhe inspirava

esperança de combater

a visão… ah.. um banho

lavar bem rosto e cabelos

 

Se bem não fizer, mal tampouco:

era o mantra do avô que sempre

usava. Lembrou dele e de quando

adolescente, quando nunca confessou

que seguia ardorosamente o conselho

 

Entrou com roupas  já ensopando

tudo, desejando, bem lá no fundo, que

o que escorria pelo piso preto e bege

levasse a confusão pelo ralo e que

escorresse, junto com sabão lá para baixo

 

Esqueceu a advertência de racionalizar

a água e ficou por lá, uns 20′, com o choveiro

jorrando água sobre o corpo e a cabeça

aproveitando uns instantes de esvaziamento

e de aconchego na temperatura gostosa

 

Só não poderia ficar lá para sempre

e lentamente fechou o registro de

ponto vermelho, deixando a água

fria trazer o momento presente

bem claro sobre seu tronco.

 

Decidiu não falar sobre a experiência

com ninguém, pois não saberia como

fazer, já que até agora nada entendera;

só um incômodo, arretado e pedregoso

que insistia em inaugurar a semana.

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.