Fazer bem sem olhar com quem

A excelência do fazer;

O absoluto conhecimento

dos meios, métodos, conceitos

formas, tempos e valores,

O d.o.m.í.n.i.o

 

São notáveis, são referência

para os demais, menos dotados

de têmpera, de pendor, de

insônia e de longos períodos

sem alimento até conseguir

 

empurrar o limite anterior,

a conquista de outrora para

longe e estabelecer outra.

Para além, para muito além

dos pódios anteriores.

 

Destrinchando as dificuldades,

na obsessão  em lapidar,

em refinar, em ter mais repertório,

mais munição para vencer o desafio

visto como um inimigo.

 

Perdidas, por vezes,

a interação, colaboração de

outros que tragam também suas

capacidades, dons, saberes de

outras naturezas. Nada vê!

 

O facho de luz é menos potente

no entanto, identifica mais sombras…

O direcionamento fechado num

foco afiado anula o contexto:

pode fazer bem, sem olhar com quem

 

Encontrar a justa medida

desejo antigo que ainda atordoa

o lugarzinho atrás do nariz…

A realeza da conquista embriaga

pela lindeza que está no espelho

https://www.youtube.com/watch?v=rumvsghcGh4